Lupus sucks!

A lei de Murphy é complicada. Quando uma coisa é para dar errada, ela certamente dará.
Eu, que estava super feliz que o lupus não me atingia. Estava me sentindo como uma heroina. Pois eu tomei um belo tapa de pelica. 
Em dois meses tive duas faringites, que o otorrino disse terem sido provocadas pelo lupus. Com isso, precisei tomar predinisona, para ver se a inflamação melhorava. 

Quando acabou o tempo do medicamento, meu inr, que estava no alvo, chegou a estratosférico 8.46. Fiquei três dias sem tomar o coumadin, voltei a tomar metade da minha dose habitual e guess what? O inr com a metade da dose despencou para 1.26. Fiquei cheia de dor de cabeça, parecia estar grogue, fiquei exausta. Um saco. 
Se fosse somente isso, beleza. Poderia ser somente um problema enjoado da saf por causa da flutuação brusca no iNR, só que, para aumentar o meu mau humor, eu passei o mesmo final de semana (o de carnaval) com a boca lotada de aftas. Pareciam bolhas com sangue por dentro. Isso me deixou assustada e logo entrei em contato com o Roger. Enquanto ele não me respondia, comecei a fuçar na internet, procurando alguma relação entre aftas e a SAF, mas, não encontrei nada.  Quando o dr. Roger me respondeu ao email, descobri que as aftas estão relacionadas ao Lúpus e não tem a ver com a SAF. 
Fiquei fazendo gargarejo, e graças a Deus melhorou rápido. Contudo, saber que as aftas foram provocadas pelo LUPUS me deixou muito azeda. 
Outra coisa que está acontecendo, é que meu cabelo voltou a cair. Percebi que meu cabelo estava caindo muito  durante o banho e nos últimos dias, percebi uma pequena falha. Entrei em contato com a minha dermatologista, dra Paula Chicralla, e ela confirmou que meu cabelo realmente estava voltando a cair, apesar de usar o Minoxidil 5% 2x por dia. 
Conclusão, vou ter que fazer novamente o tratamento com laser novamente. Pelo menos, não está nem perto de como estava quando comecei o tratamento em janeiro de 2013. 

É isso… let’s see what happens

 

 

Anúncios